"Adrianinho" é acusado da Polícia de tráfico de drogas, assaltos e está sendo investigado por homicídio.

Adriano Silva de Barros, 22 anos, mais conhecido “Adrianinho” foi preso por volta das 17h40 de terça-feira (13) no bairro planalto, zona leste de Parnaíba, por força de um mandado de prisão preventiva expedido por Benedita Maria Barros Araújo Lima, juíza de Direito da 2ª Vara Criminal da Comarca de Parnaíba.

Os policiais da Força Tática efetuaram a prisão de “Adrianinho” com apoio do Grupo de Intervenção Rápida Ostensiva (GIRO) após investigações do Serviço Reservado da Polícia Militar e ação da Polícia Civil através do investigador Astrogildo Fernandes.

Segundo Muniz Leal, sargento da Polícia Militar, Adriano Barros é acusado de tráfico de drogas, assaltos e está sendo investigado por homicídio. Fernandes, chefe de investigação do 2° Distrito Policial, informou que a prisão foi possível tendo como base a apreensão de mais de mil pedras de crack, arma e dinheiro, em duas casas do investigado e uma camisa suja de sangue, que levanta suspeita de um homicídio realizado.

Depois de ser conduzido ao 2° Distrito Policial, Adriano Silva de Barros, foi levado para a Penitenciária Mista de Parnaíba. Posteriormente, ele será interrogado sobre os crimes a que está sendo acusado.

Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial
Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial

Fotos: Daniel Santos