Blog Post

Piauí ganha Escola de Saúde Pública

Saúde

Piauí ganha Escola de Saúde Pública 

Compartilhe a matéria:

O Estado do Piauí criou a Escola de Saúde Pública do Piauí (ESPPI). A ESPPI está vinculada à Superintendência de Organização do Sistema de Saúde e a Diretoria de Unidade de Gestão de Pessoas/Gerência de Desenvolvimento e Qualificação e integrará a Escola Técnica do SUS- ETSUS da Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI). A ESPPI funcionará em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC).

 

A Escola de Saúde Pública do Piauí possui a finalidade de fortalecer a Política Nacional de Educação Permanente em Saúde, com o objetivo de qualificar os profissionais de saúde, gestores e usuários que atuam no âmbito do Sistema Único de Saúde.

 

 

“Com a criação da Escola de Saúde Pública a Gerência ampliará seu escopo de atuação, pois passará a atuar com processos educativos de pós-graduação, capacitações e qualificações para profissionais de saúde de nível superior, visto que no âmbito da Escola Técnica trabalhávamos com a formação de nível técnico. Já temos mais de 15 mil alunos trabalhadores do SUS formados, agora iremos ampliar ainda mais a promoção, o desenvolvimento, o conhecimento no campo da saúde por meio do ensino, da pesquisa, das atividades de extensão educativa, da difusão de informação científica, documental e de educação popular e da articulação interinstitucional e intersetorial, para contribuir para a melhoria das condições de saúde da população do Piauí. Esse processo de criação da ESPPI, faz parte do Projeto de fortalecimento e criação das Escolas de Saúde Pública de todo Brasil, somos a 20ª Escola criada e temos como parceiros o Conselho Nacional de Secretários de Saúde – CONASS e a Organização Pan Americana de Saúde – OPAS”, explica Jesus Dias, gerente de Desenvolvimento e Qualificação e responsável pela Escola de Saúde Pública do Piauí.

 

 

O Secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, explica que o ensino, a saúde e a assistência são os pilares da Escola, que agora além dos cursos técnicos profissionalizantes será oferecido cursos de pós-graduação, de nível superior para os profissionais envolvidos com a saúde pública. “Estão sendo implantados cursos de pós-graduação bem como vários treinamentos para os técnicos e servidores da saúde. A qualificação vai trazer a melhoria do atendimento do cidadão, que é quem ganha com isso”, diz o secretário.

 

Fonte: CCom

Publicações relacionadas

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios são marcados *